,

Como migrar da CloudFlare para GoCache – Apontamento CNAME

No vídeo acima, explicamos como migrar um site da CloudFlare para a GoCache, utilizando o método de apontamento CNAME.

Para realizar o apontamento, basta que você siga 4 passos simples:

1 – Escolha as entradas que você quer acelerar na GoCache

Nesta etapa não é necessário dizer se o site abre em http ou https. Basta que você selecione os subdomínios que quer passar pela nossa rede. Caso queira passar o naked domain (raiz) de seu site, aponte utilizando o @.

2 – Indique o IP ou Hostname

Agora, você precisa dizer para a GoCache qual o IP ou Hostname de sua aplicação. Basicamente, este é o IP de sua hospedagem. Caso use um load-balancer, é só informar nesta etapa.

3 – Um pouco sobre nossos certificados SSL

Por padrão, todos os sites que passam pela rede de distribuição de conteúdo da GoCache podem usar nossos certificados sem custo adicional, porém, é necessário ter atenção, pois o processo de geração de SSL automático pode durar de 2 a 20 minutos, sendo assim, caso seu site abra em HTTPS, é possível que ele abra em HTTP por alguns minutos, até que o certificado seja gerado.

Caso prefira subir seu certificado SSL direto na GoCache, recomendamos seguir este tutorial.

4 – Faça o apontamento CNAME para a rede da GoCache

Na última etapa você receberá um apontamento do tipo CNAME que deve ser inserido na zona de DNS da CloudFlare, apontando suas entradas para a GoCache. Lembre-se de remover a entrada do tipo A ou CNAME que era utilizada anteriormente e de desativar o proxy da CloudFlare (nuvem).

Se possível, selecione um TTL de 2 minutos para acelerar a propagação e se necessário, utilize o site ISPtools para acompanhar a propagação.


Caso tenha dúvidas, por favor, deixe seu comentário ou fale diretamente com nosso suporte, através do e-mail: suporte@gocache.com.br